Nesta tarde de domingo 10 de Novembro de 2019 o PM Santos/14, do 7° BPM, foi encontrado morto vítima de suicídio em sua residência, a polícia está averiguando os fatos para saber o motivo que o levou ao suicídio, o soldado Santos como era popularmente conhecido por toda corporação, adentrou nas fileiras da Polícia Militar do Maranhão no ano de 2014 e não aparentava está passando por problemas envolvendo a depressão, este já é o segundo caso registrado em menos de um ano no referido batalhão.
Veja o que o Coronel Edeilson relatou no seu perfil do Instagram

coroneledeilson
O soldado Santos/14, do 7° BPM, que estava sem contato desde a noite de ontem, foi encontrado agora a tarde morto em sua residência, em Santa Inês, com um tiro na cabeça, deitado sobre a arma, circunstância que fazem presumir que tenha cometido suicídio. Ele um jovem de menos de 30 anos, trabalhava “Esquadrão Petroriano”, tendo sido o primeiro colocado no curso de moto patrulhamento , também era acadêmico de direito. Recém separado, atravessava algumas desilusões nos negócios financeiros particulares. Vencido pelo inimigo interno, recorreu a prática do suicídio. Esse fatídico nos deixa a certeza de que nos problemas de saúde mental, o inimigo está dentro de nós e não pode ser enfrentado sozinho. Pra nós fica essa triste perda e a certeza de que temos que melhorar a assistência psicológica dos nossos policiais, dever da corporação, mais responsabilidade que cai nos ombros de cada colega de serviço. Do comandante ao companheiro de serviço. – Relatou

Soldado Santos fardado de PM
Rua onde era a residência do soldado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui