Pouco mais de 24h após o início das operações, o Banco do Brasil atingiu o teto de recursos disponíveis para a nova fase do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe). Foram contratadas 36 mil operações de crédito em um investimento total de R$ 3,2 bilhões.

O tíquete médio foi de R$ 89 mil. Agora com caráter permanente, o Pronampe é um programa de crédito (financiamento) do Governo Federal destinado ao desenvolvimento, fortalecimento e manutenção de pequenos negócios diante das dificuldades de trabalho maiores ainda impostas por muitos governadores e prefeitos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui