A anciã de 92 anos estava chegando do hospital para tratamento respiratório e foi aconselhada pelos médicos a voltar para casa e repousar usando o aparelho de nebulização, que ela tem em sua casa, no bairro Itamar Guará, em Imperatriz. Porém, veio o inesperado: a Equatorial cortou sua energia.
 De nada adiantou os apelos de parentes e vizinhos mais próximos para que o técnico da Equatorial efetuasse o corte após 24 horas, tempo suficiente para que a única conta em atraso fosse quitada. Sem nebulizar, a idosa veio a óbito dentro de casa no dia seguinte.
Veja abaixo o vídeo:

Com informações do blog Luis Cardoso

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui